CONSCIENCIALIZAÇÃO DA VIOLÊNCIA CONTRA A PESSOA IDOSA

Comemorado pela primeira vez em 2006 pelas Nações Unidas e a Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa, o Dia Mundial da Consciencialização da Violência contra a Pessoa Idosa tem lugar a 15 de Junho.
Com este dia, pretende-se refletir sobre uma questão social bastante sensível e, acima de tudo, acabar com a violência contra a pessoa idosa.

Num momento em que a população mundial se encontra envelhecida (estima-se que em 2025 existam 1,2 mil milhões de pessoas com mais de 60 anos em todo o mundo), é importante que os idosos não sejam esquecidos, sujeitos a maus-tratos – sejam físicos, verbais ou psicológicos – por parte das famílias, serviços de acolhimento ou até mesmo pela sociedade em geral. É importante que os seus direitos sejam salvaguardados por instituições que assegurem o seu bem-estar, a sua integração na sociedade e/ou em lares de acolhimento.

Em Portugal, o número de casos tem vindo a aumentar ao longo dos anos. Em relação a 2019, existiriam em 2020 mais 20% de vítimas de violência. Mais de 70% das vítimas são mulheres com uma idade média de 76 anos sendo, na maioria das vezes, os agressores relacionados com a vítima.
O relatório anula da APAV referente a 2020 dá conta de “13.093 vítimas diretas, tendo estas sido alvo de mais de 19.000 crimes e outras formas de violência” ao longo de 2019.

Este dia serve também para relembrar que a discriminação etária existe e que é uma grave violação dos Direitos Humanos.

No caso de sofrer de violência ou conhecer alguém que possa estar a sofrer de violência contacte as entidades competentes ou saiba mais informações em www.apav.pt/idosos

CUIDAR DE SI FAZ PARTE DE NÓS.
NATURIDADE.

close

Subscreva a nossa newsletter.

Não enviamos spam! Leia a nossa política de privacidade para mais informações.